A mulher quer ser amada

mulher

Acredito nas paixões fulminantes, nas loucuras do primeiro ano, nas juras de amor eterno.

Acredito também que o tempo passa, a vida flui, a correnteza nunca para.

O obstáculo aparece, a tempestade deixa rastros, nem tudo continua como antes.

O que se constrói em meio à paixão fulminante jurando amor eterno, é o que vai definir o depois da tempestade quando a vida fluir, porque ela sempre flui.

E é neste momento que a mulher precisa ser amada.

A mulher consegue abraçar o mundo. A carreira, os filhos, os pais, as amigas, o marido, ela mesma, e ainda sobra espaço. Sobra mesmo, acredite. A mulher tem essa capacidade impressionante de sempre abraçar coisas novas, pessoas novas, momentos novos. Na mulher, a vida não para de pulsar um só minuto. Como não amá-la? Como não abraçá-la quando ela chora porque engordou e dizer que ela continua linda? Como reclamar quando ela mergulha em um novo empreendimento de bijuterias, gasta comprando os materiais e no lugar de vendê-las, presenteia a mãe, as amigas, as irmãs? Como exigir que ela não surte na TPM? Como achar bobagem a blusa nova e l-i-n-d-a que ela comprou só porque estava em liquidação? Como achar desnecessária sua coleção de esmaltes? Como não admirar a força de vontade, a dedicação e esse sentimento sem medidas? Porque se incomodar com os ataques de ciúmes, com a insegurança? Não adianta, a mulher é exagerada mesmo. E louca. Todas nós somos. Um pacote e tanto, não? E garanto: Mesmo depois de uma vida inteira, não dá pra conhecer tudo o que vem dentro.

A mulher quer ser amada. E você não precisa abrir a porta do carro todos os dias, ou lembrar a data especial do namoro todos os meses para que ela se sinta amada. Mulheres são exageradas, mas não são extraordinárias no que querem.

Sabe aqueles dias terríveis da TPM? Quando você estiver voltando do trabalho, compra um chocolate, leva pra ela, faz piada. Ela pode rir, chorar, brigar, mas se sentirá amada.

Sabe aqueles momentos em que ela fica com ciúmes porque você olhou pra outra mulher na rua? Dê um abraço, diga que acha ela mais bonita, diga que a prefere. Ela pode não acreditar, fazer birra, ficar emburrada. Mas vai passar. Ela se sentirá amada.

Melhor do que brigar com quem você ama por causa de uma desconhecida da bunda grande, não acha?

Sabe aqueles momentos em que ela está louca, desesperada porque precisa entregar um relatório do trabalho no dia seguinte, e está brigando até com a lava-louças porque não sabe se toma banho, faz o jantar, olha as crianças, faz o relatório? Cuide das crianças enquanto ela toma banho, pede uma pizza. Ela pode continuar brigando com a lava-louças. Mas depois do banho, das crianças dormindo, do relatório pronto, ela se sentirá amada.

Não precisa lotar a caixa de e-mail com mensagens românticas, presentes caros, vozinha de criança, viagens pra Paris. Às vezes, um sms dizendo “Estou pensando em você”, faz com que ela se sinta amada.

A mulher abraça o mundo, inclusive você com todos os seus problemas, sua mãe que é um porre, seu cachorro que suja tudo, seu trabalho e seus amigos solteiros. Mesmo que às vezes ela reclame, ela tenta aceitar seu futebol, sua cerveja, aqueles dias em que você está cansado demais pra tomar um banho e deitar ao seu lado, os dias em que ela te conta todos os detalhes do dia dela, você não dá atenção e responde com um “Ah, que legal”.

Como não amá-la? Como achar que ela está querendo demais? Não se esqueça: Você não é o único homem desse mundo.

E por isso, eu posso até ser criticada, mas afirmo: Uma mulher é capaz de trocar o homem que ela ama, por um homem que a ame. E ela é tão impressionante, que é capaz de amar este homem que já a amava, enquanto ela perdia o tempo dela com você!

Anúncios

Comments

  1. DEMAIS… PRINCIPALMENTE O FIM!
    SAUDADES FLOR, BJUS

    Curtir

  2. Super verdade! Acho que prefiro que me ame… rs

    Beijocas

    Curtir

  3. Lindo texto Flor……saudades..

    Curtir

  4. Um texto impressionante de tão bem escrito… e de tanta verdade.
    Os meus parabéns.
    Beijinhos.

    Curtir

  5. Adorei!
    Lindo demais!
    Bjus

    Curtir

  6. Linda homenagem as mulheres!

    Curtir

  7. Oi moça…há quanto tempo eu não vinah aqui? Bom ler-te novamente!
    Nós, mulheres, queremos é direitos iguais, liberdade e respeito! bjsss

    Curtir

  8. Mulheres, nós somos únicas, singelas, contraditórias do nosso modo… autenticas!
    Adorei o pots, feliz dia das mulheres atrasado.

    Ps: estou de volta! 😉

    Curtir

  9. Concordo e assino embaixo!!
    amei o texto!! Mulher não é e nunca foi o sexo fraco!!

    Bjaaaum. Ahhh voltei com os posts..rs

    Curtir

  10. Maria Eleni says:

    Muito Bom mesmo!
    É assim mesmo…
    Abraços!

    Curtir

  11. Que perfeito este post!
    Adorei!

    Curtir

  12. Também acredito nas paixões fulminantes, nas loucuras do primeiro ano e de quanto tempo quer que dure esta mistura ígnea de amor em gestação e de paixão.; sim, pois o Amor leva Tempo até que floresça propriamente e que não acabe como natimorto ou falecido em tenra infância.
    Também creio que “o tempo passa, a vida, flui etc., etc.”.

    Obstáculos aparecem, e aqueles que desejam permanecer juntos, dever fazer seus próprios esforços para que assim permaneçam, se assim o quiserem e virem que estes esforços, que são como a água e o adubo posto numa mudinha ainda “sem graça”. Os esforços nunca devem partir apenas de um: ambos precisam mostrar que têm interesse em que tudo dê certo e que prospere.
    Não somente o que se constrói em meio à paixão fulminante é o fator determinante à resolução dos inevitáveis “primeiros conflitos” em relacionamentos: precisa-se de Coragem. Para que não fiquemos acovardados atrás de muros feitos com tijolos de Orgulho, dizendo para todos e para o que detém nosso Amor que não tivemos culpa por nada e que somente os Outros é que têm de fazer algo para que a situação Mude.
    Em algum momento de nossas vidas, todo ser humano experimenta esse tipo de Fuga. Não querendo encarar as consequências de nossas ações, acabamos culpando a qualquer um que pareça, para nossos subconscientes, mais “digno de culpa”, ou que pareça mais “digno de culpa” apenas para os que nos cercam (neste caso, SABEMOS realmente senão de toda, pelo menos de alguma parcela de culpa que nos apetece). Dessa maneira, estou certo de que àquela “mudinha sem graça” sucederá grande e belo florescimento, que dará bons frutos.

    Não É “neste momento” que a “mulher precisa ser amada”, ela DEVE ser Amada em todos os momentos de um relacionamento, e enquanto este durar. Porém ela TAMBÉM precisa Amar seu antigo par, ou nada valerá. E respeitá-lo.
    A autora do texto fala em “Como não amá-la” (à Mulher), que, com todos os seus defeitos, continua a possuir este Coração dotado de uma capacidade Infinita de Amar… Defeitos todos nós os possuímos, em maior ou menor quantidade e gravidade. Se à mulher cabe o Exagero, ao homem cabe a Parcimônia? Não. Essas duas características podem se desenvolver em Virtudes ou Vícios, a depender de como se apresentem em nossos Espíritos. O Ser Humano é ente por demais complexo para caber em tão simplório reducionismo. Tanto que por mãos de incontáveis Sábios se tentou dissertar sobre aspectos de nossa psique e nossos consequentes comportamentos. Muitos consumiram suas vidas nesse processo e até hoje os conhecemos por seus trabalhos, como p. ex., Byron, Baudelaire, Blake e Shakespeare.
    Se a mulher tem “ataques de ciúmes”, cabe ao casal trabalhar isso. Juntos. Este sentimento, para bem da saúde amorosa de um casal, não deve ser onipresente, permeando todos os atos e pensamentos de um parceiro ou mesmo dos dois, num relacionamento. Pois “o Ciúme é substância corrosiva” para outros sentimentos de afeição que todos (presumo eu) queremos preservar, e também uma “substância calcificante” para sentimentos de rejeição pelos que amamos, de modo que “Solidifica” tais pensamentos e sentimentos e os transformam em atos de rejeição (p. ex.: fazendo acabar o respeito mútuo numa relação, seja através de agressões verbais ou físicas, seja de traições).
    Fala-se como se fossem pessoas desprovidas de defeitos e que os defeitos mencionados no texto são, em verdade, características dignas de louvor e de exortação de algumas mulheres. Isso são sofismas apenas. Nada mais. Defeitos, tanto homens quanto mulheres os possuem, mais uma vez, em maior ou menor grau, e nem por isso serão eles dignos de serem tidos como qualidades inerentes e imutáveis de alguns em detrimento de outros. Defeitos existem como prova de que não somos perfeitos, e, portanto, de que precisamos almejar a Perfeição.

    “Como não amá-la?”. “Como achar que ela está querendo demais?” A autora pergunta mais uma vez.
    Digo o que penso: é, em uma palavra, “IMPOSSÍVEL” não amá-la. Mas é possível deixar de amá-la.
    Se “Não sou o único homem do mundo”, ótimo! Pois assim haverá outros a quem sempre poderemos tomar como parâmetro para nos tornarmos melhores Seres Humanos, com nossas falhas, sim, porém um pouco melhores. Também é ótimo, pois assim haverá outros para que você tenha a quem recorrer ser o homem por quem você se apaixonou SE PROVAR indigno de seu sentimento.
    Só há um detalhe, se não me falha a Percepção, que a autora preferiu omitir: a recíproca é verdadeira, por conseguinte:
    Um Homem é capaz de trocar a mulher que ama, por uma mulher que o ame. E também é capaz de desenvolver amor por esta mulher que já o amava enquanto ele perdia o tempo dele com a mulher que não o amava (ou que DIZ que amava, porém agia sempre de modo a PROVAR O OPOSTO).
    Sabem o que é um sofisma? A definição do Dic. Antônio Houaiss diz o seguinte, dentre quatro definições: “Sofisma. 1 – Rubrica: Lógica – argumento ou raciocínio concebido com o objetivo de produzir a ilusão da verdade, que, embora simule um acordo com as regras da lógica, apresenta, na realidade, uma estrutura interna inconsistente, incorreta e deliberadamente enganosa”.
    Portanto, digo isto: Se querem que algo mude, não se iludam, LUTEM para que mude, façam vossas partes, pois, se vossos pares também as amarem, eles farão a parte que lhes cabe; não fiquem escondidas atrás de conselhos de outros homens ou mulheres, pois eles também são seres humanos como você, e assim, passíveis de erros e falhas, admitam as falhas que lhes cabem e, certamente seus parceiros farão o mesmo.
    Se vocês já cumpriram com a parte que lhes cabe, certifiquem-se disso através de uma SINCERA reflexão. Faça isso sozinha, sem que outros interfiram em seus pensamentos. Será menos doloroso assim abrir as portas à Coragem e reconhecer onde se falhou com o parceiro E/OU onde o parceiro falhou convosco.

    Lute pelo que você quer, e você conquistará!

    PS: “Mistika” disse: “Mulher não é e nunca foi o sexo fraco!!”. Plenamente verdadeiro. Tolo é quem crê que a mulher seja fraca criatura.

    Dentro de cada Ser Humano reside uma semente de Força e Poder inimagináveis, cabe somente a nós mesmos, levar-nos aonde quer que desejemos chegar.

    Escrito por um “caboclo sonhador”, cheio de defeitos e perdidamente apaixonado.

    Curtir

  13. Flor, que bom voltamos ao contato. Apareça sempre que puder lá no blog? Bjos

    Curtir

  14. Não precisa lotar a caixa de e-mail com mensagens românticas, presentes caros, vozinha de criança, viagens pra Paris. Às vezes, um sms dizendo “Estou pensando em você”, faz com que ela se sinta amada.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: