15 dias – A solidão

Eu não consigo enfiar na minha cabeça o que todo dia alguém diferente vem repetir pra mim. Algo sobre bastar a si mesma, nascemos sozinhas morremos sozinhas, a sua melhor companhia é você, solidão é a ausência de si, não precisamos da presença do outro pra deixar de nos sentir sozinhas… e coisas do gênero.

Como pode isso ser uma grande verdade se o ser humano é (até onde eu saiba) o ÚNICO ser que precisa do OUTRO pra ser ELE MESMO. Eu não estou falando de solidão aqui. Estou falando de algo muito maior do que isso, que é a consciência de si mesmo, de quem ele é, de como deve ser, fazer, pensar e etc. Oras, se eu preciso do outro pra ser humana, pra ser eu mesma, como posso me bastar ?

Uma galinha pode ser criada longe de outras galinhas e no meio das vacas que ela ainda vai se  comportar como uma galinha. Um gato pode ser criado longe de outros gatos e no meio de qualquer outra coisa que ele ainda vai continuar sendo um gato. Mas e nós ? Coloca um bebê recém-nascido longe de qualquer ser humano, no meio de qualquer outro animal. Primeiro que as chances dele sobreviver são poucas. Se sobreviver, ele irá se comportar como qualquer outra coisa, menos como um ser humano tal como é conhecido nos dias de hoje.

Então eu não consigo entender como eu posso me bastar. Como eu posso não querer ou precisar de ninguém nesse mundo pra que eu me sinta menos sozinha se até pra ser humana eu preciso de outra pessoa.

Eu concordo sim, que não devemos depositar em ninguém a responsabilidade de fazer da nossa vida algo mais feliz. Não devemos querer que o outro resolva nossos medos, nossas angústias, nossas incertezas. Nesse ponto eu concordo, cada um é responsável pela sua felicidade, por suas conquistas,  por suas buscas.

Mas de que valeriam as conquistas, as buscas e a felicidade se tudo isso não puder ser compartilhado com outras pessoas ? De que adianta ter tanto amor dentro de si se esse amor for só pra si ? De que adianta tantas pessoas queridas se não for pra sentir saudades quando elas forem embora, se não for pra se sentir sozinha quando elas não estão presentes ?

É o mal, ou o bem, da tal coletividade humana.

E escrevo tudo isso pra me convencer que não sou tão irracional assim por me sentir sozinha agora.

E nessa solidão que eu me encontro, escrevo. Escrevo por talvez ser a única coisa que me resta.

Escrevo pra dizer que tenho uma saudade imensa e intensa. Que você não era, não é, nem nunca será responsável pela minha felicidade. Mas que é mágico dividir e somar a felicidade com você. Que eu sei que essa minha forma maluca de amar como se o mundo fosse acabar amanhã talvez tenha te assustado um pouco. E apesar de vc ter percebido que comigo você ainda se sentia muito sozinho e por isso precisou buscar muitas outras coisas, eu gostaria que você soubesse que eu nunca me senti sozinha do teu lado. Posso não ter bastado para a sua solidão, mas você bastou pra minha.

Anúncios

Comments

  1. caramba, texto muito lindo! D: aaaaaaah, flor, sem palavras! :~~~~~
    você parece muito comigo, meeeeeeeesmo. :~ :*

    Curtir

  2. oi lindona!!!! uma vez coloquei uma frase no meu blog…acho que este eh o momento ideal para usa-la novamente:
    Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.

    Clarice Lispector.

    Curtir

  3. inexistenteparavoce says:

    Me fez pensar demais. OMG

    Curtir

  4. Eu concordo, precisamos de alguém pra dividir, compartilhar.
    Ficar só, não ajuda em nada.
    Nesse segundo eu me sinto solitária… Aliás, tô acompanhjada por vc e sua história. Ainda não consegui parar de ler, rs
    Mas eu juro que queria Edu aqui. Madrugando, como sempre fazíamos. Entendo a tua solidão. E respeito.

    Curtir

  5. Fico arrepiada com sua intensidade. Você voa alto,menina! É das grandes.
    Concordo com o que dizes sobre a solidão…todos os seres de alguma forma estão ligados uns aos outros formando algo infinitamente maior do que podemos pensar.
    Seres como ele nunca vão ter consciência dessa insatisfação eterna…e ele vai viver a vida assim frustrado achando que nada tá bom e sempre querendo mais e mais e nunca encontrando o que procura.
    E você já vai estar ao lado de alguém grande como você. Sei que agora você não irá concordar com o que eu digo mas saiba que se ele não se esforçar pra estar à sua altura e te tratar como vc merece ser tratada ele nunca vai te merecer.

    Curtir

Trackbacks

  1. […] Eu não consigo enfiar na minha cabeça o que todo dia alguém diferente vem repetir pra mim. Algo sobre bastar a si mesma, nascemos sozinhas morremos sozinhas, a sua melhor companhia é você mesma, solidão é a ausência de si mesma, não precisamos da presença do outro pra deixar de nos sentir sozinhas… e coisas do gênero. Como pode isso ser uma grande verdade se o ser humano é (até onde eu saiba) o ÚNICO animal que precisa do OUTRO pra ser ELE MESM … Read More […]

    Curtir

  2. […] 15 dias —> Apesar de estar recomeçando, acho que nunca vou conseguir mudar a minha visão romântica sobre a solidão. […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: